Notícias do Município de Três Barras

1ª Conferência Municipal debate direitos e define prioridades para as pessoas idosas em Três Barras

1ª Conferência Municipal debate direitos e define prioridades para as pessoas idosas em Três Barras

Assistente social Viviana W. Seleme Uba palestrou durante a conferência.

O município de Três Barras definiu suas prioridades para fortalecer e ampliar as políticas públicas em prol das pessoas da terceira idade, durante a realização da 1ª Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa na manhã desta sexta-feira (29).  O evento aconteceu na Câmara de Vereadores.

Representantes governamentais e da sociedade civil organizada, além de idosos e população interessada, participaram ativamente dos debates, reflexões e articulações em torno das ações a serem aplicadas tanto no município, quanto no Estado.

As discussões sobre a garantia de direitos fundamentais focaram eixos temáticos da saúde, assistência social, transporte, moradia, educação, esporte, cultura, lazer, emancipação humana e enfrentamento da violência.

 “Todos os participantes têm vez e voz na aprovação das propostas e escolha dos delegados que representarão o município na 5ª conferência estadual”, lembrou Tangryany Santos, presidente do Conselho Municipal do Idoso, ao fazer a leitura do regimento interno e declarar aberto o evento.

Prefeito Luiz Shimoguiri destacou a iniciativa por elencar prioridades e até nortear as ações que a administração pública municipal visa implementar em favor das pessoas da terceira idade, que atualmente correspondem a 15% da população total da cidade. “Às vezes pensamos e agimos de uma forma, mas a necessidade é outra. Por isso, é muito importante ouvir e contar com a colaboração da comunidade”, frisou.

Shimoguiri ainda falou sobre projetos municipais que buscam a inclusão de idosos na cidade e no interior, como os grupos da terceira idade e clube de mães, e também disse que o Brasil tem muito em que avançar sobre políticas públicas voltadas a esse público. “Ao contrário daqui, nos países desenvolvidos os idosos são tratados com muita atenção e respeito”, afirmou.

Especialista em “Família e Políticas Públicas” e “Gestão Pública”, a assistente social Viviana Wachtel Seleme Uba palestrou sobre o tema central “Os desafios de envelhecer no século XXI e o papel das políticas públicas”.

A conferência foi uma realização da Prefeitura de Três Barras, por meio da secretaria municipal de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda, e do Conselho Municipal do Idoso.

 

Delegados

 

1 - Representantes governamentais

Titular – Alcides de Oliveira

Suplente – Carla Ludka Mota

 

2 - Representantes não governamentais

Titular – Nazi Bahsa

Suplente – Eliane Basílio

 

EIXO I: Direitos Fundamentais na Construção / Efetivação das Políticas Públicas

SUBEIXOS : Saúde, Assistência Social , Previdência , Moradia , Transporte , Cultura , Esporte e Lazer.

Município

SAÚDE: SUBEIXO

1- Garantir através de fiscalização a prioridade de atendimento para os idosos, bem com criar cargo de médico geriatra e criar Centro DIA.

ASSISTÊNCIA SOCIAL: SUBEIXO

2-Criar Casa Lar para Idosos bem como ampliar oferta de SCFV para idosos em situação de vulnerabilidade social; ampliar destinação de recursos financeiros e de pessoal para os SCFV;

PREVIDÊNCIA: SUBEIXO

3- Criar cursos de Educação Financeira para os Idosos.

MORADIA: SUBEIXO

4 - Priorizar o atendimento ao idoso que em situação de vulnerabilidade social na construção de moradia adequada.

CULTURA, ESPORTE E LAZER: SUBEIXO

5- Manter, ampliar e qualificar os projetos existentes para o público idoso entre eles promover passeios gratuitos, e ampliar parcerias com instituições educacionais para melhorar o desenvolvimento de atividades relacionadas a Terceira Idade;

TRANSPORTE: SUBEIXO

6- Criar órgão de trânsito para emissão de Carteira de Estacionamento para o Idoso

 

 

 

EIXO II: Educação, assegurando direitos e emancipação humana.

Município

Estado

 

 

1- Criar espaço nas escolas no período das atividades escolares para inserção e interação do idoso e troca de experiência.

 

2- Proporcionar atividades culturais específicos para o idoso.

 

3 – Divulgação de descontos em participação dos eventos culturais.

 

4 – Promover encontros nas comunidades para levar informações e coletar as necessidades do idoso

1-Proporcionar atividades culturais específicos para o idoso.

 

 

 

EIXO III: Enfrentamento da Violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa

Município

Estado

União

 

1- Reativar e efetivar os serviços das agentes comunitários de saúde e organizar redes de prevenção em atendimento

 

2- Preparação dos serviços públicos e privados para a prevenção e a assistência ao idoso em todas as políticas publicas

 

3- Garantir, através de lei municipal, transporte no interior do município, transporte intermunicipal bem como assegurar o transporte aos grupos atividades de cultura, esportes e lazer.

 

4- Incentivar a população a denuncia no dique 100 referente ao abuso financeiro patrimonial ao idoso.

 

5- Organizar redes de prevenção em atendimento

 

6- Implantar uma equipe multiprofissional para atendimento ao idoso, com plano de ação que contemple todas as políticas publicas.

1- Preparação dos serviços públicos e privados para a prevenção e a assistência ao idoso em todas as políticas publicas

 

1- Preparação dos serviços públicos e privados para a prevenção e a assistência ao idoso em todas as políticas públicas

 

EIXO IV : Os Conselhos de direitos seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas.

Município

Estado

União

1-Incluir no currículo das disciplinas, desde a pré- escola até a conclusão no ensino médio, conteúdos voltados a legislação de direitos do idoso.

 

2- Reforçar conteúdos disciplinares nas escolas das redes públicas municipais e estaduais, bem como na particular, que abordem temas voltados ao respeito, valorização, cuidado e proteção ao idoso.

 

3- Valorizar, através de rodas de conversa, a história da vida de pessoas idosas, fazendo com que participem e compartilhem com as escolas suas experiências de vida, enriquecendo o conteúdo.

 

4- Implementar valores voltados a garantia de qualidade de vida do idoso, respeitando sua alimentação própria, medicação, lazer, saúde e bem estar.

1- Implementar valores voltados a garantia de qualidade de vida do idoso, respeitando sua alimentação própria, medicação, lazer, saúde e bem estar.

 

2-Incluir no currículo das disciplinas, desde a pré-escola até a conclusão no ensino médio, conteúdos voltados à legislação de direitos do idoso.

 

1- Implementar valores voltados a garantia de qualidade de vida do idoso, respeitando sua alimentação própria, medicação, lazer, saúde e bem estar.

Publicado por: Assessoria de Comunicação

Veja mais notícias


Encaminhe suas reclamações, denúncias, solicitações e sugestões.
Tire suas dúvidas. Acesse a ouvidoria Municipal